Atualidade

A vertigem, o médico e o doente: nova realidade, o mesmo foco

03 Jul. 2020

A vertigem é um sintoma da eventual existência de perturbações do equilíbrio. Com um impacto significativo no dia a dia das pessoas, a vertigem pode inclusive ser incapacitante. O correto diagnóstico depende da história clínica detalhada do doente, da realização de exame otoneurológico e, em alguns casos, de exames audiovestibulares em laboratório. Acontece que estes procedimentos, bem como alguns dos tratamentos, têm de ser feitos presencialmente. Nesse sentido, em contexto de pandemia, importa saber como é que estes doentes estão a ser acompanhados. Será a teleconsulta um bom aliado no seguimento destas pessoas? Como ajudar o doente a ultrapassar o medo de ir à consulta, de fazer os exames necessários para o diagnóstico ou de simplesmente fazer tratamentos de reabilitação vestibular?

Newsletter

Agenda

Agenda News Farma

Opinião

Cancro de cabeça e pescoço: o impacto da doença em Portugal
Dr.ª Ana Joaquim, secretária da direção do Grupo de Estudos de Cancro de Cabeça e Pescoço
Nem só de rinoplastias vive o nariz. Sabia?
Dr. João Martins, cirurgião plástico

PUB

Apoio

Viatris