Eventos

12 Jun. 2018

Um dos assuntos em cima da mesa no decorrer do Congresso Anual da Associação Portuguesa de Otoneurologia (APO) 2018 (OTONEURO 2018) relacionou-se com a doença de ménière. Segundo a Dr.ª Margarida Amorim, do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, esta patologia difere da migrânea vestibular, distinção que pode ser constatada a partir de duas ferramentas. Assista ao vídeo da entrevista. 

12 Jun. 2018

 Entre 25 a 26 de maio, Peniche acolheu o Congresso Anual da Associação Portuguesa de Otoneurologia (APO) 2018 (OTONEURO 2018). Em entrevista ao My Otorrino, o Dr. Carlos Andrade do Hospital de Santo António, no Porto, destaca a importância do tratamento da enxaqueca vestibular, apesar de existir ainda pouco conhecimento em relação à terapêutica.

 

07 Jun. 2018

A edição de 2018 do Congresso Anual da Associação Portuguesa de Otoneurologia (OTONEURO 2018) contou com a participação de três reputados especialistas internacionais. Uma presença que traz uma mais-valia aos dois dias de discussão sobre os temas mais atuais da Otoneurologia, como afirma a Dr.ª Maria Manuel Henriques em entrevista.

06 Jun. 2018

Nos dias 25 e 26 de maio, Peniche recebeu o Congresso Anual da Associação Portuguesa de Otoneurologia (APO) 2018 (OTONEURO 2018). Um evento que, segundo o Dr. Pedro Araújo, coordenador do Congresso, se dirige “não só às novas gerações, mas também às gerações já com mais experiência”, uma vez que aborda “o que há de novo” na especialidade e revê “as matérias já conhecidas de todos”. Assista ao vídeo.  

05 Jun. 2018

No dia 20 de abril, a Associação Portuguesa de Otoneurologia (APO), promoveu uma Masterclass de Vertigem para Medicina Geral e Familiar (MGF) no Hospital Lusíadas Lisboa, em colaboração com o Serviço de Otorrinolaringologia. Em entrevista ao My Otorrino, a Dr.ª Conceição Monteiro, presidente da APO, explica as razões subjacentes à realização desta iniciativa formativa. Assista ao vídeo.  

05 Jun. 2018

“A filosofia do Serviço [de Otorrinolaringologia do Hospital Lusíadas Lisboa] é ter equipas mais dedicadas em determinadas vertentes da patologia”, procurando “contribuir para a formação médica, quer de médicos e técnicos da especialidade, como de especialidades afins, nomeadamente da Medicina Geral e Familiar (MGF)”. Quem o afirma é a Dr.ª Luísa Monteiro, diretora deste Serviço, que, em parceria com a Associação Portuguesa de Otoneurologia (APO), organizou uma Masterclass de Vertigem para MGF, que teve lugar no dia 20 de abril, no Hospital Lusíadas Lisboa. Assista ao vídeo da entrevista.

Newsletter

Agenda

Agenda News Farma

Opinião

Cancro de cabeça e pescoço: o impacto da doença em Portugal
Dr.ª Ana Joaquim, secretária da direção do Grupo de Estudos de Cancro de Cabeça e Pescoço
Nem só de rinoplastias vive o nariz. Sabia?
Dr. João Martins, cirurgião plástico

PUB

Apoio

Viatris